Avaliação de uma estratégia de promoção em saúde bucal para policiais militares

  • Leticia Pinto Gomes Brigada Militar - Canoas/RS
  • Daniel Demétrio Faustino da Silva Brigada Militar - Canoas/RS
Palavras-chave: Saúde Bucal; Polícia; Saúde do Trabalhador

Resumo

O estudo transversal avaliou a estratégia de promoção em saúde bucal em uma população de policiais militares (PM’s) de Canoas-RS, que teve como plano de ação a convocação sistemática dos PM’s para inspeção de saúde bucal. A amostra corresponde a 57,55% do efetivo disponível para o serviço. Entre os indivíduos que apresentaram necessidade de tratamento, 89,72% não apresentavam sintomas de dor. A última visita ao dentista há mais de 2 anos foi relatada por 10,5% dos indivíduos, e foi associada a presença de cárie (p=0,012) e necessidade de tratamento odontológico (p<0,05). Verificou-se um aumento de 16,5% na demanda por assistência odontológica na unidade de atenção primária à saúde em Canoas em virtude da constatação de necessidade de tratamento da amostra. O estudo concluiu que a ação foi efetiva no diagnóstico precoce de lesões não sintomáticas, e que o monitoramento contínuo da saúde bucal do efetivo através das inspeções bienais de saúde constitui importante estratégia de promoção em saúde bucal para policiais militares.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
18-04-2022
Como Citar
Gomes, L. P., & Silva, D. D. F. da. (2022). Avaliação de uma estratégia de promoção em saúde bucal para policiais militares. REVISTA BRASILEIRA MILITAR DE CIÊNCIAS, 8(20). https://doi.org/10.36414/rbmc.v8i20.131
Seção
Artigos